Ir para o conteúdo

Prefeitura Nova Serrana - A cidade que mais cresce em Minas e os cookies: nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
ACEITAR
PERSONALIZAR
Política de Cookies e Privacidade
Personalize as suas preferências de cookies.

Clique aqui e consulte nossas políticas.
Cookies necessários
Cookies de estatísticas
SALVAR
Prefeitura Nova Serrana - A cidade que mais cresce em Minas
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Rede Social Instagram
Rede Social Youtube
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
MAI
18
18 MAI 2018
SAÚDE
Cerimônia marca o início das obras do Hospital Santa Mônica de Nova Serrana
enviar para um amigo
receba notícias
Lançamento da Pedra Fundamental da obra aconteceu hoje (18), e contou com a presença de diversas autoridades

O prefeito Euzebio Lago e seu vice, Nelson Moreto, participaram hoje (18), da cerimônia de lançamento da pedra fundamental da obra do Hospital Santa Mônica que será construído em Nova Serrana. O evento aconteceu no bairro Francisco Lucas, onde se encontra o canteiro de obras, e contou com a participação de várias autoridades.

O lançamento da pedra fundamental marca o início das obras, que tem previsão de conclusão em 36 meses. A unidade do hospital Santa Mônica de Nova Serrana terá 120 leitos e contará com equipe altamente qualificada e equipamentos de ponta. A obra é o maior investimento em serviços de saúde em toda a história do município.

Para o prefeito Euzebio Lago, se trata de um dia histórico para o Município. “Estamos escrevendo mais um capítulo positivo da história dessa cidade. No total, serão investidos mais de 100 milhões nessa obra que, além de serviços de ponta e atendimento humanizado e de qualidade, abrirá mais de 600 postos de trabalhos, movimentando a economia local e o mais importante, trará qualidade de vida e saúde para toda população.”

Euzebio lembrou ainda que graças à proposta feito pelo Executivo e respaldada pela Câmara, foi possível celebrar essa parceria de sucesso. “Qualquer hospital poderia comprar uma área e construir uma unidade em Nova Serrana. O que fizemos de forma êxitosa foi uma chamada pública para quem tivesse interesse de investir em Nova Serrana. Tivemos a felicidade do Grupo Santa Mônica ter vencido a licitação e com o contrato de cessão com encargos que fizemos, o valor da área cedida já está sendo revertido em atendimentos encaminhados pela UPA. Mais de 60 pessoas já foram beneficiadas com o convênio”.

O prefeito também destacou outras ações que estão sendo realizadas para melhorar a oferta de serviços de saúde em Nova Serrana. “Estamos investindo em saúde como nenhuma outra administração fez. Em menos de um ano e meio de gestão já inauguramos três novas UBS e implantamos a Estratégia de Saúde da Família no Capão. Em menos de 60 dias estaremos inaugurando a unidade do Hospital Dia, o primeiro do estado de Minas e que vai atender 100% pelo SUS. Assumimos a direção do Hospital São José, que passará a receber recursos que até então estava impossibilitado”.

O fundador e presidente do Grupo Santa Mônica, Juarez Amaral, ressaltou que a unidade que começa a ser construída vai beneficiar toda a população de Nova Serrana. “Não será um hospital para ricos como alguns estão dizendo por aí. Será um hospital de alta qualidade para toda a população. Atenderemos também por convênio, que possibilitará qualquer família, por um valor entre 60 e 70 reais, ter acesso a todos os recursos que serão disponibilizados aqui.”

Participaram da cerimônia o prefeito Euzebio Lago, o vice-prefeito Nelson Moreto, a secretaria de Saúde Glaucia Sbampato, o deputado estadual Fábio Avelar, o fundador e presidente do Hospital Santa Mônica, Juarez Amaral, o Administrador do Grupo Santa Mônica, Bruno do Amaral, o criador do projeto Arquitetônico, Siegbert Zanettini, vereadores e secretários municipais.

Como se deu a parceria

Em uma ação inédita no município, a prefeitura de Nova Serrana fez uma cessão com encargos de uma área de 11.765,00 m², localizada no bairro Francisco Lucas para a construção de um hospital. O valor do terreno é de R$ 4.647.175,00. 

A empresa vencedora da licitação foi a Hospital e Maternidade Santa Mônica S/A, que propôs investimento inicial de R$34.948.011,04.

Início dos atendimentos

O valor do terreno cedido (R$4,6 milhões) já está sendo revertido em atendimentos de casos de urgência encaminhados pela UPA de Nova Serrana, após esgotadas todas as tentativas de vagas através do Sistema de Regulação SUSFACIL. Mais de 60 pessoas já foram beneficiadas pelo convênio.

É de responsabilidade da vencedora da licitação disponibilizar unidade hospitalar já em operação e iniciar o atendimento da demanda da UPA imediatamente após a assinatura do contrato.

Cabe ainda à empresa, garantir que todo parque tecnológico necessário para disponibilização dos serviços de diagnóstico e terapia esteja disponível para os pacientes encaminhados pela UPA.

Além disso, as despesas com a locomoção dos pacientes até que o Hospital esteja em operação no Município de Nova Serrana serão custeadas pela empresa vencedora da concorrência e, em hipótese alguma, será abatido no valor de avaliação do imóvel.

Hospital em Nova Serrana

De acordo com o contrato, a empresa deverá concluir a obra no prazo máximo de 36 meses. Qualquer possível alteração nesse prazo deverá ser comunicada ao município e aprovada pela Câmara Municipal.

O hospital a ser construído em Nova Serrana deverá contar com, no mínimo, com 120 leitos, sendo, CTI Neonatal, CTI Adulto, Pronto-Atendimento, bloco cirúrgico contendo equipamentos de videocirurgia, artroscopia e intensificador de imagem, hemodinâmica, centro de diagnóstico por imagem com exames de Ressonância magnética, tomografia computadorizada, ultrassonografia e Raio-X e laboratório de análises clínicas.

O contrato exige ainda que, na construção e operação do hospital, sempre que possível, seja dada preferência aos fornecedores e prestadores de serviços, inclusive empresas de projeto de engenharia e de construção civil, sediados em Nova Serrana-MG,

A área de ocupação do terreno não poderá ser superior a 80%, ficando os demais 20% destinados a estacionamento, área verde e lazer para os funcionários.

Seta
Versão do Sistema: 3.4.1 - 29/04/2024
Copyright Instar - 2006-2024. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia